Amazonas e Rio Grande do Sul têm primeira morte por coronavírus

No Amazonas, um homem de 49 anos de idade, diagnosticado com o novo Coronavírus (Covid-19), faleceu no início da noite desta terça-feira (24/03) no Hospital e Pronto Socorro (HPS) Delphina Aziz, na zona norte de Manaus.

Proveniente do município de Parintins, ele veio para Manaus em UTI aérea e foi internado no HPS Delphina Aziz no último sábado (21/03), com quadro de insuficiência respiratória com grave comprometimento pulmonar.

O paciente era portador de hipertensão arterial sistêmica. No último domingo, ele sofreu uma parada cardiorrespiratória, mas foi prontamente socorrido e estabilizado, sendo acompanhado pela equipe médica na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Delphina.

Nesta terça-feira, o paciente apresentou parada cardio-pulmonar, instabilidade hemodinâmica e nova parada cardiorrespiratória. A equipe procedeu manobras de ressuscitação, contudo o paciente não resistiu veio óbito no início da noite.

Já no Rio Grande do Sul, o prefeito de Porto Alegre confirmou, na manhã desta quarta-feira (25), a primeira morte por coronavírus na cidade. A paciente era uma senhora de 91 anos que estava internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Nelson Marchezan Jr

@marchezan_
Faleceu a primeira paciente Covid positivo de 91 anos que estava na UTI. Lamentamos muito, esperamos que nossas medidas possam evitar que isso seja uma constante em nossa cidade. Mas precisamos de todos. Isso não é uma questão jurídica, ideológica. É uma questão fática e de saúde

O prefeito informou ainda que a cidade tem outras nove pessoas internadas em UTI por causa da covid-19 e outros 26 casos suspeitos, também em unidades de terapia intensiva.

No Amazonas, a vítima foi um homem de 49 anos, que estava internado no Hospital e Pronto Socorro Delphina Aziz, na zona norte de Manaus. Com essas duas mortes, o número de vítimas fatais do coronavírus salta para 48 no Brasil.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA